Ambiotech faz “Engenharia do Proprietário Ambiental” em mais (06) Parques Eólicos no Rio Grande do Norte

Demos início às atividades de “Engenharia do Proprietário Ambiental” em mais seis (06) Parques Eólicos no Rio Grande do Norte. Os empreendimentos fazem parte do chamado Complexo BENTO-MIGUEL, e a gestão contempla também Linhas de Transmissão Internas.

A Engenharia do Proprietário objetiva o acompanhamento e a condução qualificada e otimizada do processo de licenciamento dos empreendimentos junto ao órgão ambiental e demais órgãos/instituições intervenientes, através da verificação da qualidade e adequação dos estudos e programas ambientais aos normativos legais que disciplinam o licenciamento ambiental dos empreendimentos, assim como as condicionantes exigidas nas licenças ambientais. O trabalho será desenvolvido em duas fases, sendo:

• Fase 1: Acompanhamento do processo de obtenção das Licenças de Instalação de todos os empreendimentos e outras licenças e autorizações para início da implantação dos parques eólicos;
• Fase 2: Acompanhamento da execução dos programas ambientais e obtenção das Licenças de Operação (LO).

O início destas atividades soma-se às atividades de Engenharia do Proprietário Ambiental já em execução pela Ambiotech em 07 (sete) parques eólicos do Complexo CUTIA, também no Rio Grande do Norte. Ao todo atualmente, são 13 (treze) parques eólicos cujos processos de licenciamento e implantação de programas ambientais estão sob criteriosa análise de nossa equipe no Rio Grande do Norte!

| Outros